Sábado, 22 de Dezembro de 2012

Impressão Digital

Depois do Baiji (Lipotes vexillifer), que os cientistas acreditam já estar extinto desde 2006, actualmente a vaquita (Phocoena sinus) é, provavelmente, o cetáceo mais ameaçado do mundo. Em 2007 foi estimado que restariam apenas 150 vaquitas no mundo e, se não forem tomadas medidas urgentes para a sua conservação, esta espécie irá-se extinguir.

 

A vaquita tem uma distribuição geográfica muito restrita ocorrendo somente no golfo da Califórnia. Sendo um animal esquivo, ainda falta conhecer muitos aspectos da a biologia da espécie, no entanto, sabe-se que habitam águas pouco profundas e túrbidas e alimentam-se de uma variedade de peixes, bem como lulas e crustáceos. A maior ameaça a esta espécie são as artes de pesca, uma das principais causas de mortalidade desta espécie.

publicado por Dept. Educacional do Zoomarine às 00:00
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Roll Up a 28 de Dezembro de 2012 às 09:54
É pena que estes animais estejam a desaparecer.

Comentar post

A partir de 2012, todas as rubricas elaboradas pelo Departamento Educacional do Zoomarine são editadas ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.
_____________________________

.Olimpíadas do Ambiente



Uma geração para mudar o mundo!

.Quiz Mundo Marinho


Campeonato Escolar

.Parceiros pedagógicos


.Visita de estudo ao Zoomarine?


Descubra as
Ofertas Pedagógicas
disponíveis para o seu grupo escolar.

.pesquisar

 

.arquivos

.links

.subscrever feeds

Life Science Blogs - BlogCatalog Blog Directory